anúncio

Saúde de verdade e maior longevidade para o seu cão e gato

Rações secas: por que elas têm tudo a ver com insuficiência renal em gatos

Infelizmente, as estimativas são de que mais da metade dos nossos gatinhos com 10 anos ou mais sofram de doença renal crônica, também conhecida como insuficiência renal crônica. Existem muitas causas para a insuficiência renal em gatos, mas uma das influências mais comuns e evitáveis ​​é uma dieta alimentar seca.

Os gatinhos são projetados para atender a maioria ou todas as necessidades de água de seu corpo por meio de sua dieta, não na tigela de água. Então, eles não têm o impulso de sede de outras espécies. A ração seca fornece uma porcentagem muito pequena da água que os gatos precisam em sua dieta diária.

Gatinhos alimentados com uma dieta exclusivamente seca sofrem desidratação crônica leve que causa estresse significativo aos rins ao longo do tempo. Como a Dra. Lisa Pierson, especialista em nutrição de gatos, escreve em seu site CatInfo.org:

É preocupante pensar sobre o papel que a desidratação crônica pode desempenhar na causa ou agravamento da doença renal felina.

Além disso, a qualidade da proteína na maioria dos alimentos secos para animais de estimação é muito pobre. É uma proteína processada para ração, que acredito ser mais difícil para gatos digerirem e processarem. Alimentado duas vezes ao dia (ou o dia todo) todos os dias durante anos, pode causar estresse no fígado e nos rins.

insuficiência renal em gatos

Por que eu não recomendo (a maioria) dietas renais com prescrição para gatos

Uma vez que um gato é diagnosticado com doença renal crônica, muitos veterinários recomendam uma prescrição de ‘dieta renal’, muitas das quais são dietas secas . Isso nunca fez sentido para mim. Essas fórmulas NÃO atendem às necessidades de hidratação da dieta de gatos. Especialmente gatinhos que estão perdendo grandes quantidades de água devido ao desgaste dos rins.

Devo dizer que acho realmente incrível quando ouço sobre o grande número de gatos que recebem fluidos subcutâneos enquanto são mantidos com uma dieta de comida seca, escreve Pierson. Esta é uma prática extremamente ilógica e prejudicial à saúde e todas as tentativas devem ser feitas para que esses gatos tenham uma dieta que contenha um teor de umidade mais alto.

As dietas renais prescritas também costumam ter níveis reduzidos de proteína, o que não é ideal para gatos, que são carnívoros obrigatórios (estritos) e requerem altos níveis de proteína animal de alta qualidade para uma saúde ideal. De acordo com Pierson:

As dietas renais restringem a proteína a tal ponto que muitos gatos – aqueles que não estão consumindo o suficiente na dieta para fornecer suas necessidades diárias de proteína e caloria – catabolizam (usam como combustível) sua própria massa muscular, o que resulta em perda de massa muscular e perda de peso. Este colapso interno da própria massa muscular do gato causará um aumento na creatinina que precisa ser eliminada pelos rins. O aumento da creatinina e da ureia, e a perda muscular podem levar a uma conclusão, frequentemente errônea, de que a função renal do paciente está piorando.

O perigo da proteína de má qualidade

Outra consideração importante é que, ao contrário do que muitas pessoas continuam a acreditar, estudos mostram que animais de estimação idosos, incluindo aqueles com doenças renais, precisam de mais proteína, não menos.1 Mas, novamente, deve ser uma proteína de muito alta qualidade.

Gatos alimentados com uma dieta processada de baixa qualidade durante toda a vida muitas vezes se tornam viciados e se recusam a comer qualquer outra coisa. Se o seu gato com insuficiência renal está viciado em alimentos de baixa qualidade que são difíceis de digerir e processar, pode ser necessário reduzir a quantidade de proteína tóxica na dieta.

No entanto, se o seu gato está comendo proteína de qualidade humana (de preferência sem antibióticos e hormônios), a restrição de proteína antes da insuficiência renal em estágio final é muitas vezes contraproducente e pode realmente agravar a perda de peso e perda de massa muscular – dois problemas de saúde comuns para gatos com rins falhando.

Idealmente, se o seu gato está comendo alimentos de má qualidade, o objetivo é retirá-los e adotar uma dieta de melhor qualidade para que a ingestão adequada de proteínas possa continuar. Além disso, a menos que seu gato se recuse absolutamente a comer qualquer outra coisa, eu não recomendo alimentá-lo com rações secais renais.

A questão do fósforo

O fósforo é um mineral importante que desempenha um papel significativo na saúde felina. Uma das funções dos rins é equilibrar os níveis de fósforo no corpo removendo o excesso. Em gatos com doença renal, essa capacidade está comprometida. E, de fato, muitos gatinhos com insuficiência renal crônica desenvolvem hiperfosfatemia (níveis elevados de fósforo na corrente sanguínea anormais).

As dietas renais processadas são formuladas com níveis reduzidos de fósforo; no entanto, existem maneiras de fazer isso com uma dieta alimentar fresca, muito mais saudável e de alta qualidade.

insuficiência renal em gatos

Recomendações adicionais para gatinhos com insuficiência renal crônica

Vitaminas e minerais às vezes podem ser benéficos para gatinhos com insuficiência renal crônica. Costumo adicionar uma variedade de vitaminas do complexo B aos fluidos subcutâneos de um gato. Vitaminas do complexo B podem ajudar com anemia, aliviar náuseas e melhorar a sensação geral de bem-estar do gato.

Antioxidantes, L-carnitina e triglicerídeos de cadeia média (óleo de coco) também podem ser benéficos. Adicionar uma fonte de superverduras para construção do sangue, como a clorofila ou a clorela, pode ajudar a combater uma contagem baixa de glóbulos vermelhos. Eu também recomendo adicionar suporte para desintoxicação, como dente de leão e SOD (superóxido dismutase), se o seu gatinho for consumi-lo.

Probióticos que contêm cepas de suporte renal específicas, como Lactobacillus acidophilus, casei e plantarum, Streptococcus thermophilus e Bifobacterium longum também podem ser extremamente benéficos. Essas cepas, que suportam o metabolismo da ureia saudável estão disponíveis em produtos “específicos para rins”, bem como em probióticos vendidos livremente no mercado. Portanto, leia os rótulos com atenção.

O suporte renal felino pelo processo padrão também pode ser muito útil, assim como aglutinantes de fósforo e bicarbonato de sódio, se apropriado. Seu veterinário o ajudará a decidir se eles são indicados com base na situação específica do seu gato.

Tornar o ambiente do seu gatinho o mais livre de estresse possível também é extremamente importante. E o mais importante de tudo na prevenção ou controle da doença renal é o monitoramento vigilante dos sistemas orgânicos. O objetivo deve ser identificar riscos e mudanças sutis muito antes de ocorrer a insuficiência renal. Muitos gatos vivem uma vida longa e plena quando a doença renal é identificada precocemente e tratada de forma proativa.

Este texto é uma tradução adaptada do artigo “Dry Food Diet: Most Common Trigger of CKD in Cats”, escrito pela Dra.Karen Becker, veterinária integrativa. Para ter acesso e esse e outro artigos de sua autoria (em inglês), acesse este site.

Aviso de segurança :A PetMe é um site meramente informativo. Portanto, todas as informações, dicas e sugestões nele contidas não substituem, em absoluto, a consulta a qualquer especialidade médico-veterinária.

Alimentação Natural

A Prevenção é sempre o melhor remédio. E a Nutrição é a base de uma ótima saúde. Entenda como Alimentação Natural pode desempenhar um papel fundamental na prevenção das doenças que tiram o sono de nós, tutores de cães e gatos.

Medicina Veterinária Integrativa

Como tutores de cães e gatos, devemos garantir que nossos pets tenham acesso ao melhor atendimento médico veterinário possível, caso tenha algum problema de saúde. E a abordagem que integra Tratamentos Convencionais com Terapias Alternativas pode ser mais efetiva e trazer mais benefícios para a saúde integral de nossos companheiros.

anúncio

INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E
GARANTA CONTEÚDOS GRATUITOS INCRÍVEIS!

não se preocupe, não vamos encher sua caixa de e-mail, tb não gostamos disso

comentários dos amantes
e tutores

Curabitur arcu erat, accumsan id imperdiet et, porttitor at sem. Mauris blandit aliquet elit, eget tincidunt nibh pulvinar a. Cras ultricies ligula sed magna dictum porta.

João Caiado

anúncio

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email